quarta-feira, março 15, 2017

Carmim e Carmuça

| |
       Toque a pele, a música toca, e nos resta o restante da eternidade. As luzes tremulas vista do alto da cidade revelam e iluminam dentro da gente, uma importância que ainda não nos foi concedida, mas nosso interior a conhece tão bem que é como se ele já vivesse no futuro onde tudo já aconteceu.


 E é belo quem si é. Quem se retorna para si iluminado pelo que o mundo considera imperfeição, mas sabemos que elas são cruas e dignas características dos mosaico e caleidoscópio que formam nossa alma em formação. Somos belos e livres. Tudo vai embora e retorna falante e fácil de amar ( ou de deixar ir de uma vez por todas.)



Eu gosto de carmim e camurça. Do que não tem medo de ser pois é tanto que explode ao respirar. Gosto do que se transforma, e eleva e recomeça.
Eu recomeço.
E recomeços são mais fáceis do que continuar com peso. Recomeço você já tem a bagagem, e agora a leveza de não precisar ser.
Apenas será.
E será como Deus quiser, pois Ele é o amor dentro da gente e através de tudo o que ilumina e recolhe.


                                 Camiseta : C&A  |  Shorts : Forever 21 | Batom : Preta Gil
                                               Fotos e edição : @looklucblog
                                                            Blog do Luc

                                              Vídeo com esse look aqui

4 comentários:

.