Luzes encantadas

quarta-feira, fevereiro 03, 2016 Mundo Lilo 0 Comments


As luzes dentro de nós são trêmulas. Ruídos baixos entornam a escuridão. A gente vai se formando, se inovando, moldando, para um dia beijar a eternidade. Liberdade maior que tirar os sapatos na metade da festa e dançar com as mãos para o alto. Ai meu Deus, seria tão mais simples ser igual a todos. Eu me sinto incomodada com praticamente todas as ofertas.

Me encontrei com os rapazes hoje e nada mudou. Ainda temos muitas cores por dentro. O mundo nos dá tudo.Um universo dançante e eufórico. Luzes encantadas. Em troca, ele quer nosso total desconforto. Quer que a gente mate um medo por dia. Que a gente pegue um avião de encontro ao desconhecido. Que raspe os cabelos compridos. Que caia em público. Que ouça vaias grotescas. Que a gente se perca. Quase morra afogado. Fique no escuro. De mãos dadas com o perigo. Risco na linha do trem. Torcida contrária. Performance milagrosa. Pranto místico dividido com Deus. Te tira os cromossomos, o sustento.

A vida dá o que a gente quiser. Se, estiver disposto a dar tudo de si. A ponto de não enxergar nada dos lados. Seu sonho se tornar a sua religião. A fúria. Seu cálculo. Sua cura. Seu filho - você tem de ser capaz de dar a sua vida por ele - é uma forma de continuar vivo depois que se for. Não acreditar é cômodo. Se esconder é cômodo demais. Porque esses sentimentos te "liberam" da responsabilidade de lutar por algo além do nosso atual entendimento. Vanguarda. Vanguarda. Vanguarda.

Peço aos três que as cores, e luzes, e provas se intensifiquem. Está prestes a explodir no mundo, eu só quero colorir e iluminar. Em nome dos que ainda não entendem que o risco de conseguir algo que para os outros parece grande coisa, mas que para você não faz muito sentido, não vale o preço de não se reconhecer mais. De se tornar um avesso vazio. 

Você pode gostar também

0 comentários: