sábado, maio 02, 2015

Queratina azul

| |
Foi batida que fez meu coraçao colorir em ondas físicas. Foi dançar um reggae descalça na avenida enquanto todos iam pro trabalho. Foi sentir frio, ventanias me levando ao secreto. E seus sorrisos enfeitando meu pescoço;



Que fique entre nós o que ficou entre a gente. Eles não precisam saber, agora. Como vamos lidar com isso, se estamos expostos em luz seca? Reaprender. a amar.

Queria retribuir o carinho que impulsiona.Vou passar adianta como puder. E se soltarmos nossos vestidos e comermos todas as cores pasteis? Somos os mais diferentes e estranhos,será que tem algum lugar pra gente? Um lugar onde as pontas dos dedos virem estrelas.As cordas dos violões se tornem camas e idade.Um lugar onde eu me esqueça de voltar pra casa.

É tudo sobre eu tentando Te encontrar. Eu juro que não quero o mundo. Eu quero Seu coração. Desesperadamente tento Te colocar em tudo o que faço, porque só assim parece ter sentido pra mim.Afaste o ego, afasta Pai, o que me afastar de Voce. Me afasta de mim quando eu me distanciar da Sua vontade. Seu amor é a única verdade que conheço.

Tudo é pra Voce.
(é tudo sobre Voce)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

.