Azul e Vermelho

segunda-feira, dezembro 15, 2014 Mundo Lilo 4 Comments

Encontrei algumas fotos de dois, três anos atrás. Veja bem, nem é tanto tempo assim, mas as mudanças que ocorrem nesse meio período, beiram ao nascer de novo. Claro, até porque, com o passar dos anos, você acaba por aprender muitas coisas sobre a vida, como por exemplo: Acordar bem cedo, pegar estrada, ir ao armazém daquela cidadezinha, comprar sorvete de morango com leite condensado, e passar o dia inteiro comendo e tirando fotos, não parece algo que possa parar o mundo ou estampar a primeira página dos jornais. Mas anos depois, você olha com saudade, e quase queria que o tempo não tivesse passado, por mais que a sua pele tenha melhorado bastante. 

Aprende também, que em um dia em que tudo dá errado, e a chuva (literalmente) não para de cair, percebe que não há nada que aqueça mais o coração do que um abraço quente daquela pessoa que você admira, e que um dia só acaba ruim se você quiser, por exemplo, a apresentação de escola não deu certo após tanto trabalho? Bem, vamos para casa pedir pizza e passar a noite inteira gravando vídeos fingindo que somos estrelas do rock, com nossas guitarras imaginárias. 

Percebe também, que a existência é um sopro, que não somos absolutamente nada diante dessa grandiosidade chamada vida, por isso é preciso humildade, ninguém é melhor do que ninguém. 

Aprende também, que antes de decidir adotar um porco, e optar por dar um nome estrangeiro a ele, é preciso pesquisa, ou então ele corre o risco de ser nomeado de God Save the Queen, só porque aos doze anos, você era fã de Sex Pistols e não sabia falar inglês. Também que garotos são implicantes por natureza, e quando se é garota e age como eles, eles realmente acreditam nisso, e falam assim, não é bem uma menina sabe? Ela é uma de nós. Que há pessoas que você não tem mais contato, mas que sempre se recorda delas com carinho, e torce por elas, e deseja que elas sejam grandes na vida, tão grandes quanto o coração que possuem. Também percebe que a tia da limpeza pode ser uma ótima psicóloga, e que tem aquela risada gostosa que faz você rir também. Que subir uma ladeira pra voltar pra casa, nem é tão cansativo assim, se você está na boa companhia dos músicos da escola, os ex-futuros astros, que hoje em dia estudam contabilidade. Que todo mundo passa pela fase ‘vou ser fotógrafo’ , e nessa fase os pés sempre são o grande alvo. Que usar um cadarço de cada cor até é interessante, porque você fica conhecida como “ a menina dos cadarços trocados” Mas é ruim, porque também ganha a fama de " a menina de ideias trocadas". Que as peças da escola rendem fotos constrangedoras. Que tem gente que é pra sempre ( principalmente se vocês ficaram amigas: porque eram as únicas meninas de treze anos da escola obcecadas por supernany, ou porque vocês nasceram no mesmo dia, no mesmo mês, e no mesmo ano). Que pintar o cabelo todo de azul é muito cool. Bem, na primeira semana é. Depois disso, ele fica inteiro igual a liga de pamonha, e bate um desespero imenso, vou ficar careca, é a única falsa certeza que surge. Que de uma forma ou de outra, nunca se está tão sozinho quanto pensa, alguém sempre aparece e ajuda, você sabe disso, não sabe? Normalmente a ajuda vem de quem menos se espera. Que  ás vezes quando duas pessoas são muito juntas, elas completam a frase uma da outra, ou aparecem de casaco verde sem combinarem. Que quando uma foto sai feia, você vira ela de cabeça pra baixo, e quando você sente saudades, você escreve, e manda luz para as pessoas, esperando que tudo esteja bem, esperando que elas também sintam saudades suas quando estão vendo fotos antigas. Aquelas, em que você está nelas, e sua pele não era tão bonita assim.

Na foto: Pés modelos fotográficos, e um sol que nem precisaria ter aparecido pra eu achar essa foto brilhante, na época. Digna de uma exposição com oitenta convidados selecionados, champagne francês e muita moranga.

Você pode gostar também

4 comentários:

  1. Lindo o texto beijinhos

    Ps:: seu blog é lindo

    http://beatrizmartiins.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Ah o tempo nos muda muito !
    Tenho cada foto feia com a cara torta, fazendo careta ams guardo porque lá na frente vou da risada de tudo isso, de um passao bom ^^
    Gostei do texto, Ótimo o jeito que se expressa ^^
    Beijos ♥ O Melhor de Mim

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade rsrs . A nossa percepção sobre nós mesmos realmente muda com o tempo. Que bom que gostou, linda. Bjs!

      Excluir